Para Refletir!!!

sábado, 6 de abril de 2013

Flores e borboletas...

Luminária em pvc 100mm
perfurada e cortada...

quinta-feira, 28 de março de 2013

Sunbonnets...Sue...em pvc...

"Sunbonnet Sue é o nome pelo qual ficou conhecido o popular desenho da bonequinha cujo rosto está sempre escondido por um gorro ou chapéu. Apareceu pela primeira vez em 1867, na Inglaterra, nos livros infantis escritos e ilustrados por Kate Greenway. Em 1876, na Feira do Centenário da Filadélfia, as bonequinhas foram introduzidas e começaram a se popularizar nos Estados Unidos. Em 1902, Bertha Cobbert, escritora e ilustradora de Minneapolis, publicou o livro "The Sunbonnet Babies" com ilustrações de meninos e meninas com o rosto coberto pelos chapéus. As ilustrações ficaram tão populares que passaram a ser impressas em tecidos, canecas etc. Em 1915, na cidade de Amboy em Minesota, Alice Brown fez o primeiro Sunbonnet quilt para presentear sua neta. Depois de um tempo esquecidas, as bonequinhas voltaram a aparecer com mais intensidade nos anos 1980, muitas vezes adaptadas para exprimir idéias modernas, sentimentos e aspirações das quilters feministas. Além de Sunbonnet Sue, as bonequinhas também são conhecidas como Menina do Chapéu, Dutch Doll, Bonie Bonnet, SunBonnet Babies, Carmem (menina mexicana/espanhola com chapéu) e o similar masculino é chamado Bill Bonnet. No ano de 2002 foi comemorado o centenário das Sunbonnets."

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

...FELIZ NATAL...

Desejo a todos um Feliz Natal, com amor, paz, alegria e união. Para o ano novo, desejo que... "...se for pra fazer guerra, que seja de travesseiro. Se for pra ter solidão, que seja no chuveiro. Se for pra perder, que seja o medo. Se for pra mentir, que seja a idade. Se for pra matar, que seja a saudade. Se for pra morrer, que seja de amor. Se for pra tirar de alguém, que seja sua dor. Se for pra ir embora, que seja a tristeza. Se for pra chorar um dia, que seja de alegria. Se for pra cair, que seja na folia. Se for pra bater, que seja um bolo. Se for pra roubar, que seja um beijo. Se for pra matar, que seja de desejo." (desconhecido)